Start-up lança portal e app para facilitar vendas de autônomos…



 Com aumento da quantidade de autônomos no Brasil, plataforma visa simplificar negócios e possibilitar o crescimento das vendas via mobile.

Quantas pessoas você conhece que possuem um celular? Como os apps fazem cada vez mais parte do nosso cotidiano, saber quais são as tendências dos aplicativos é algo quase obrigatório. E é notório que o mercado de aplicativos é um dos mais atraentes para empreendedores iniciantes. Afinal, somente no Brasil, há 168 milhões de smartphones, de acordo com dados de 2016 da Fundação Getulio Vargas (FGV), e os números de vendas via smartphones e dispositivos móveis (m-commerce) registraram expansão no primeiro semestre de 2017 de 35,9%, segundo o relatório Webshoppers 36, da Ebit.

Além disso, segundo dados de agosto de 2017 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE, em um ano, quase um milhão e meio de pessoas perderam o emprego no país. Os números apontam uma melhora na taxa de desemprego, de 13,7%, no primeiro trimestre, para 12,8% – em relação a 2016, mas que vem mais na quantidade do que na qualidade, indicando que o crescimento é principalmente das pessoas que trabalham por conta própria ou na informalidade.

Com esses dados em mente e percebendo uma alta de demanda de autônomos, além de pessoas procurando recomendações em diversos lugares por serviços simples, mas sem conseguir encontrar uma solução, os empresários e sócios Marcelo Collina e Tiago Caracas desenvolveram o Boca a Boca, um aplicativo para celular que permite uma busca do serviço que deseja contratar, escolher os prestadores mais próximos, com melhor avaliação e preço final que se encaixe no que o cliente deseja gastar.

“Nós não queremos vender divulgação, como é o habitual no mercado, até porque divulgação não se traduz em vendas. Nossa ideia não é trazer custos e ver o retorno que pode acontecer no futuro, mas sim trazer vendas diretas e aumentar a oportunidade de ganho dos nossos parceiros”, diz Collina, que complementa explicando que “o conceito é o autônomo focar naquilo que ele sabe fazer, na especialidade de negócio dele, enquanto nossa especialidade é vender para ele o produto ou serviço ofertado. Nós não vendemos marketing, nós fechamos negócios”.

A empresa acaba de lançar sua plataforma para internet e também dispositivos mobile que, por enquanto, funciona na cidade de São Paulo, mas espera alcançar outras capitais nos próximos três meses. Compatível com Android e iOS, o app serve para profissionais de construção e reformas, esteticistas, tradutores e professores e empreendedores, por exemplo. Já são mais de 150 tipos diferentes de serviços cadastrados.

No serviço, quem quer contratar escreve a especialidade do profissional que precisa e o aplicativo apresenta uma lista de candidatos, com o perfil, distância em relação ao usuário e avaliações recebidas em atendimentos anteriores. O cliente então pode iniciar uma conversa pelo app para negociar valores e definir datas, com preenchimento de informações solicitadas pelo prestador. E os autônomos ainda podem receber capacitação a fim de melhorar o serviço:

“O grande diferencial do Boca a Boca é a profissionalização do autônomo, direcionando o usuário para cursos de empreendedorismo e garantindo a ele certificados por meio parcerias que a ferramenta vem fechando. E, no futuro, caso esse autônomo necessite, o Boca a Boca disponibiliza um aplicativo com a própria marca do profissional com custo reduzido, para que ele mesmo consiga divulgar e fidelizar seus clientes, fazendo o trabalho autônomo dele ser cada vez mais profissional. Nessa etapa, o autônomo economizaria, em média, cinco mil reais que o mercado costuma cobrar para criar um app”, explica Caracas.

Em geral, os aplicativos disponíveis no mercado permitem que clientes e profissionais se encontrem, mas não participem de etapas como negociação e pagamento propriamente dito, o que o Boca a Boca é plenamente apto a realizar. Além disso, normalmente é cobrada uma mensalidade por publicidade no app ou na página do prestador, enquanto o Boca a Boca cobra, apenas do prestador, uma comissão sobre vendas efetivas num percentual que gira em torno de 15% a 20%. A plataforma tem parcerias com as maiores subadquirentes no mercado e todo o recebimento e pagamento é feito pela carteira digital que eles disponibilizam.

A contratação é feita de forma automática, com o pagamento sendo efetuado pelo app com um cartão de crédito cadastrado. Assim que o cliente efetuar o pagamento para o Boca a Boca, a prestação do serviço é liberada e, quando o serviço for finalizado, o valor fica disponível para retirada pelo prestador.

Além do grande diferencial que é profissionalizar o prestador, a plataforma do app na internet oferece ambiente organizado, com venda de mensalidades, controle de agenda contratada entre outras funcionalidades. O portal também tem rapidez de resposta, sendo carregado em 7 segundos, contra a média de 9,8 segundos do mercado.

QUEM SOMOS:

Marcelo Collina – graduado em Administração pela PUC, Collina trabalhou em diversas empresas no setor de de informações de Crédito e Meios de Pagamento, como Equifax, Alelo e Crefisa, atuando fortemente na área de Produtos. Em toda a sua carreira o foco foi em desenvolvimento de produtos e em sua última experiência profissional, foi o responsável pelo lançamento e comercial do produto de combustível da Alelo. Em 2009, iniciou a empresa Ambiance Bijoux, um comércio virtual de bijuterias e acessórios.

No Boca a Boca, será responsável pela parte de Marketing e Usabilidade, Gestão e diversificação de Portifólio e Inovação. – [email protected]

Tiago Caracas – graduado em Administração pelo Mackenzie, possui Pós-Graduação em Instituição Financeira. Sua carreira é focada em Bancos e Meios de Pagamento, iniciando a carreira no Unibanco e sendo elemento chave na start-up Validata. Com foco em Prevenção a Fraudes e em Gestão e Desenvolvimento de Produtos, foi gerente na adquirente Getnet e responsável pelo início da operação de cartões de diversas empresas, sendo inclusive gestor do time que fez a implantação mais rápida do Brasil de uma operação de cartão bandeirado pela MasterCard.

No Boca a Boca, será responsável pela parte de Parcerias, Gestão e diversificação de Portifólio e Financeiro. – [email protected]

MAIS INFORMAÇÕES http://bocaboca.net/ | [email protected]

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *